Cuiabá (MT), 20 de setembro de 2017 - 08:37

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Várzea Grande

03/09/2017 19:10

Mutirão Prati-Cidade inova em oferecer políticas de fomento ao micro-empreendedor

Reporter

Rafaela Maximiano
O objetivo de inserir o novo parceiro ao “Prati-Cidade” é de oportunizar a melhoria das condições de vida da sociedade várzeagrandense. 

O projeto socioassistencial “Prati-Cidade” da Prefeitura de Várzea Grande inovou nesta edição. Entre os parceiros do evento esteve presente a Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso “Desenvolve MT”. Moradores de nove bairros puderam conhecer de perto oportunidades de fomento ao micro e pequeno empreendedor. O mutirão foi realizado durante todo o dia desta sexta-feira (01), na Escola Municipal de Educação Básica “Líbia da Costa Rondon”, no bairro 24 de Dezembro.

“A parceria com o ‘Desenvolve MT’ será mais uma oportunidade para a população várzeagrandense, vez que eles passam a integrar nosso mutirão. O objetivo da administração municipal é de desenvolver políticas públicas de fomento ao cidadão que quer empreender. Vemos muito potencial nas comunidades onde a Secretaria Municipal de Assistência Social desenvolve seus projetos. Por exemplo, o programa ‘Amigas Empreendedoras’. Muitas mulheres aprendem um oficio com o programa, mas não sabem onde e como conseguir recursos para comprar equipamentos e matéria-prima para iniciar o próprio negócio”, justificou a secretária municipal de Assistência Social, Kathe Martins explicando que o “MT Desenvolve” completa um ciclo de políticas públicas no fomento ao empreendedorismo aos menos favorecidos.

Segundo a secretária, o objetivo de inserir o novo parceiro ao “Prati-Cidade” é de oportunizar a melhoria das condições de vida da sociedade várzeagrandense, com ênfase no enfrentamento das diferentes formas de manifestação das desigualdades sociais. “Além de ensinar, queremos oportunizar a essas pessoas que tem um pequeno sonho, em crescer. Com isso estamos no caminho do desenvolvimento, e da redução da pobreza e das desigualdades sociais”, citou a secretária.

Para o chefe de divisão do “Desenvolve MT” presente no “Prati-Cidade”, Jackson Pires, a agência de fomento do Estado é atualmente a única que apoia o pequeno empreendedor. “Trabalhamos com diversas linhas de apoio ao pequeno e médio empreendedor. Oferecemos um trabalho técnico desde a análise da viabilidade do negócio pretendido até os recursos para compra de equipamentos ou mesmo capital de giro. Seja para uma costureira, um vendedor ambulante ou um comércio em geral. Verificamos que aqui no bairro 24 de Dezembro todos esses pequenos comerciantes poderiam ter acesso aos benefícios do ‘Desenvolve MT’ para que pudessem expandir e até gerar mais empregos”, declarou.

De acordo com Jackson Pires o “Desenvolve MT” foi criado com a missão de gerar, utilizar e difundir conhecimento sobre empreendedorismo, além de viabilizar financiamentos com taxas abaixo das praticadas pelas agências bancárias e com a vantagem de oferecer carência para o início de pagar as parcelas. “Entendemos que quem está começando um negócio precisa de um tempo de carência para começar a produzir. Uma facilidade que as instituições bancárias não oferecem”, esclarece.

Além de financiamento para empresas ou pessoas físicas a agência também trabalha com projetos de ampliação e modernização da capacidade produtiva, como a aquisição de máquinas, equipamentos, móveis e utensílios. “Um jovem recém-formado, por exemplo, advogados, engenheiros, podem querer abrir o escritório próprio. Ou então, o pequeno produtor da agricultura familiar que precisa melhorar sua irrigação. Nós investimos nessas idéias também”.

O morador do bairro 24 de Dezembro, Aguinaldo Antunes, passou na sala da agência de fomento durante o “Prati-Cidade” para tentar uma nova oportunidade. “Eu sou pedreiro mas com essa crise preciso pensar em uma forma de sobreviver e pagar o meu aluguel. Pensei em comprar uma máquina de assar frango para que eu possa melhorar a renda em casa”, declarou.

O chefe de divisão do “Desenvolve MT”, Jackson Pires, explica que muitos negócios iniciam e logo acabam, isso porque, as pessoas investem recursos e não planejam. “Aqui na agência nós também orientamos com planejamento para que os novos empreendedores tenham sucesso. Empreender é decidir realizar tarefas difíceis e trabalhosas, mas se for bem planejado o sucesso é certo. Do ponto de vista de políticas públicas, o empreendedorismo é um catalisador primário do crescimento econômico e do desenvolvimento regional. Parabéns à Prefeitura de Várzea Grande por levar essa oportunidade aos menos favorecidos”, afirmou.

A terceira edição do “Prati-cidade” atendeu com inúmeros serviços públicos de todas as pastas municipais e parceiros aos moradores dos bairros 24 de Dezembro, Novo Mato Grosso, Souza Lima, Gonçalo Botelho, 7 de Maio, Parque Pequizeiro, Gilson de Barros, Capão do Pequi, Parque das Nações e Eliane Gomes. 


Plenário Mato Grosso - Central de Notícias, aqui você é informado com *Credibilidade **Dinamismo ***Seriedade e ****Conceito

Plenário Mato Grosso

Rua João Bento, 592-A
Bairro Quilombo
Cuiabá - Mato Grosso

plenariomtcomercial@gmail.com

imprensaplenariomt@gmail.com

contato@plenariomt.com.br

Busca

Redes Sociais

1170x90
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo