Cuiabá (MT), 23 de setembro de 2017 - 00:55

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/
Banner cuiaba humanizado 468x60  1
Banner gov mt em acao 468x60  1

Esportes

06/09/2017 16:44

Marcelo chama Ronaldo de "herói" e diz que "mataria por Tite" na Seleção

 

 

Após RonaldoDaniel Alves e Ronaldinho Gaúcho, Marcelo foi mais um jogador a escrever sobre sua vida dentro e fora dos gramados no site "The Players Tribune". O lateral da Seleção lembrou de sua infância no Rio de Janeiro, das primeiras memórias sobre o futebol, da ida repentina para o Real Madrid e, principalmente, da relação com seu avô, seu primeiro fã e maior incentivador de sua carreira como jogador. Ele ainda exaltou o trabalho de Tite à frente do Brasil e recordou de uma ligação chamando-o de volta para a equipe após deixar de ser convocado por Dunga.

- Com o Tite como nosso técnico, eu sinceramente acredito que podemos colocar a bandeira brasileira de volta ao posto mais alto. (...) Aquele telefonema foi tudo para mim. Foi a primeira vez que eu recebi um telefonema de um técnico da Seleção Brasileira, e olha que faz 10 anos que eu jogo pela Seleção. Eu mataria pelo Tite, e vou fazer de tudo que eu posso para colocar um troféu de ouro na estante do meu avô - escreveu Marcelo.

 

O lateral do Real Madrid citou o texto escrito por Ronaldo para a própria "The Players Tribune", quando o Fenômeno lembrou ter pintado um mural em homenagem a Zico na Copa do Mundo de 1982. Segundo Marcelo, em 1994, foi a vez de ele mesmo ajudar a colorir sua rua, desta vez em referência ao ídolo da Seleção, a quem chamou de "herói".

- No Brasil, pouco antes da Copa do Mundo começar, todo mundo na vizinhança saía nas ruas para pintar os muros e para comemorar. Todas as coisas ficam cobertas de verde, azul e amarelo – as ruas, os portões, as paredes, os rostos das pessoas (...) Adivinha só, Ronaldo? Se você estiver lendo isso, quando eu tinha 6 anos de idade, meus amigos e eu pintamos o seu rosto na nossa rua. Você era o nosso herói. É uma lembrança que fica no meu coração.

 

Marcelo afirma que quase desistiu de sua carreira quando tinha 15 anos e treinava em Xerém, pelas divisões de base do Fluminense. Porém, a insistência de seu avô, que sonhava em vê-lo jogar no Maracanã, o fez persistir. E, com um tom de incredulidade, ele lembrou de quando acertou sua ida para o Real Madrid, onde joga até hoje.

- Eu juro por Deus que eu achava que estava indo para lá só pra uma conversa. Quando eu cheguei para o encontro com o clube, eu vi os contratos com o símbolo do Real Madrid em cima – e assinei aquilo tudo rapidinho. Então, os caras de terno me levaram direto para o campo de futebol. Eles me apresentaram para a imprensa naquele dia. Eu não fazia ideia que já seria apresentado. Minha própria família no Brasil me disse que eles não acreditavam que era verdade até que eles viram a notícia aparecer no Globo Esporte.

 
Marcelo com a taça da Liga dos Campeões (Foto: Reuters)Marcelo com a taça da Liga dos Campeões (Foto: Reuters)

Marcelo com a taça da Liga dos Campeões (Foto: Reuters)

 

Plenário Mato Grosso - Central de Notícias, aqui você é informado com *Credibilidade **Dinamismo ***Seriedade e ****Conceito

Plenário Mato Grosso

Rua João Bento, 592-A
Bairro Quilombo
Cuiabá - Mato Grosso

plenariomtcomercial@gmail.com

imprensaplenariomt@gmail.com

contato@plenariomt.com.br

Busca

Redes Sociais

1170x90
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo