Cuiabá (MT), 22 de outubro de 2017 - 08:50

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/
572x90
Banner gov mt em acao 468x60  2

Esportes

11/04/2017 17:57

Bahia critica torcida única: “Que julguem e prendam os criminosos”

A diretoria do Bahia se posicionou, na tarde desta terça-feira, sobre asdeclarações do promotor Olímpio Campinho. Em uma nota divulgada no site oficial, o clube se diz contrário à possibilidade da torcida única no estado. A condição foi levantada depois de um torcedor ter sido assinado no último domingo. Carlos Henrique Santos de Deus, de 17 anos, retornava para casa, quando foi surpreendido e levou três tirou. Um dos suspeitos do crime foi detido.

- O problema não está no esporte, mas nas crises de segurança pública, educação e desemprego. O poder público, historicamente, tem dificuldades para cumprir seu papel. De fato não é fácil. (...) Ninguém tem o direito de trancafiar milhões de apaixonados em casa. Que julguem e prendam os criminosos - diz o texto.

Em entrevista à TV Bahia, o promotor Olímpio Campinho afirmou que a utilização da torcida única poderá ser tomada a depender da posição dos clubes e da Polícia Militar em relação à segurança dos torcedores.

- Se Bahia, Vitória, Federação (Federação Bahiana de Futebol), Polícia Militar, não disser: “O que aconteceu no jogo, eu não posso garantir”. Então pronto. Se vocês não podem garantir, vamos trabalhar com uma outra ideia: torcida única - afirmou

Nesta terça, a Justiça da Bahia determinou a prisão preventiva do jovem de 25 anos suspeito de participar da morte do torcedor do Bahia Carlos Henrique de Deus, de 17 anos, em Salvador. A decisão foi tomada pela manhã, durante uma audiência de custódia, segundo informações da delegada Patrícia Ribeiro, da 3ª Delegacia de Homicídios, que investiga o crime.

Pietro Henrique Caribé Pereira foi preso em flagrante na última segunda e estava na carceragem do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). Segundo a delegada, após a determinação da Justiça, ele foi encaminhado ao sistema prisional. Patrícia Ribeiro informou, ainda, que, durante depoimento, o suspeito negou envolvimento no crime, mas foi reconhecido por testemunhas e identificado por Isaías Sousa Santos, que é amigo de Carlos e que também foi baleado no, mas sobreviveu.  

NOTA OFICIAL

Confira abaixo a íntegra da nota divulgada pelo Bahia

"O Esporte Clube Bahia, respeitosamente, vem a público lamentar as declarações do promotor Olímpio Campinho que vê em torcida única uma solução para o futebol baiano.

O problema não está no esporte, mas nas crises de segurança pública, educação e desemprego. O poder público, historicamente, tem dificuldades para cumprir seu papel. De fato não é fácil.

O Brasil tem muitos policiais e professores que são heróis. Doam-se pela sociedade, trabalham em condições difíceis e, por vezes, são injustamente criticados.

A vida precisa de bons exemplos. Não de muros. Por isso, o EC Bahia trabalha a responsabilidade social com as Obras Sociais Irmã Dulce e agora busca trabalho conjunto com a Unicef.

A festiva volta da torcida mista no clássico Ba-Vi do último domingo (9) também mostra que os bons cidadãos querem retornar aos estádios, às ruas e a viver sem medo.

Ninguém tem o direito de trancafiar milhões de apaixonados em casa. Que julguem e prendam os criminosos.

O EC Bahia se solidariza à família do jovem tricolor Carlos Henrique Santos de Deus, após a partida, fora do estádio. Mais uma vítima de um Brasil maltratado, violento e que precisa de bons exemplos."


Plenário Mato Grosso - Central de Notícias, aqui você é informado com *Credibilidade **Dinamismo ***Seriedade e ****Conceito

Plenário Mato Grosso

Rua João Bento, 592-A
Bairro Quilombo
Cuiabá - Mato Grosso

plenariomtcomercial@gmail.com

imprensaplenariomt@gmail.com

contato@plenariomt.com.br

Busca

Redes Sociais

1170x90
Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo