Cuiabá (MT), 28 de abril de 2017 - 11:49

Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Cultura

21/02/2017 13:53

Município resgata patriotismo nas escolas com execução de hino nacional

Glaucia Colognesi

 

Prefeitura de Cuiabá
 

Por meio de um decreto, o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro determinou que a partir deste mês de fevereiro, todas as 161 unidades de ensino executem os hinos nacional, estadual e municipal uma vez por semana, antes que os alunos sejam liberados a entrar na sala de aula.

O objetivo é resgatar o patriotismo, fortalecer a cidadania e a cultura local entre as mais de 48 mil crianças cuiabanas que frequentam diariamente as escolas da capital.

O que era costume para os alunos do ensino fundamental nos anos de 1980 e 1990, hoje voltou à prática, mas ainda é novidade. O decreto determina uma vez por semana e cada escola tem autonomia para organizar o seu cronograma de execução, desde que respeite essa periodicidade.

“Cá entre nós, uma vez por semana cada hino vai levar 3 ou 4 minutos, não vai atrasar o ano letivo, não vai atrasar nenhuma aula e não vai prejudicar em nada o desempenho dos nossos alunos”, afirmou o prefeito Emanuel.

A secretária de Educação, professora Mabel Strobel, conta que antigamente o hino era executado em uma concepção tecnicista militar. Já o que se propõe hoje está dentro de uma educação transformadora e cidadã, onde o hino é concebido como elemento de fortalecimento da identidade cultural e do patriotismo.

“A execução do hino irá favorecer e valorizar o sentimento de pertencimento a uma pátria, e de estar incluso numa sociedade no sentimento micro e macro social. Micro no sentido dos valores e costumes municipais e macro abrangendo os símbolos estaduais e ritos nacionais”, salientou a secretária.

Na EMEB Profª Maria Dimpina Lobo Duarte, na avenida Fernando Corrêa, próxima ao supermercado Açaí, por exemplo, o hino nacional está sendo tocado toda sexta-feira. “Uma sexta-feira a gente irá executar o hino nacional, na outra o hino de Mato Grosso e na outra o hino de Cuiabá”, afirmou a diretora da unidade, Dilza de Souza Silva.

Já na EMEB Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon, no bairro Alvorada, e na EMEB Profª Maria Ambrósio Pommot, no Jardim Imperial, às segundas-feiras.  

“Nós já temos a prática de tocar o hino nacional toda segunda-feira. Então estamos pensando em executar os hinos municipal e estadual em outros dias alternados, às quartas-feiras e sextas-feiras”, afirmou o diretor Amarildo Gomes da Costa, da escola Maria Ambrósio.

Os pais gostaram do decreto. “É muito bom, porque muitos alunos não conhecem a cultura que temos aqui em Cuiabá”, afirmou uma mãe. “Ensinar a criança, desde cedo, já a cumprir com as obrigações civis, aprender o hino nacional brasileiro, coisa que a gente aprendeu também, então acho bastante interessante ensinar nossas crianças”, afirmou o pai e funcionário público Calebe Miguel da Paixão.

Os alunos também gostaram da novidade. “Só sabemos o hino nacional. O hino de Cuiabá e de Mato Grosso nós nunca cantamos e nós não sabemos, então é bom aprender”, alertou o estudante Hauan de Figueiredo.

“É o símbolo do nosso país e a gente não pode deixar de mostrar a importância do nosso país”, observou a pequena Franciele Queiroz.


Plenário Mato Grosso

Rua João Bento, 592-A
Bairro Quilombo
Cuiabá - Mato Grosso

plenariomtcomercial@gmail.com

contato@plenariomt.com.br

Busca

Redes Sociais

Plenário Mato Grosso - Central de Notícias, aqui você é informado com *Credibilidade **Dinamismo ***Seriedade e ****Conceito

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo